Ebserh contratará mais de 6 mil profissionais

BNDES anuncia medida para injetar R$ 55 bilhões na economia.

Visa a combater os efeitos do coronavírus.



Juntamente com o presidente Jair Bolsonaro, o presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Gustavo Montezano, o investimento de R$ 55 bilhões na economia do país. 

Quatro medidas econômicas foram anunciadas com objetivo de amenizar os efeitos econômicos da pandemia do covid-19, que já infectou mais de 1.100 brasileiros.

Segue o resumo:

R$ 5 bilhões - capital de giro para empresas com faturamento anual de até R$ 300 milhões;

R$ 11 bilhões - refinanciamento para operações indiretas com o BNDES;

R$ 19 bilhões - refinanciamento para operações diretas com o BNDES;

R$ 20 bilhões - transferência de recursos PIS/Pasep para o FGTS, possibilitando novos saques ao trabalhador.



O presidente Bolsonaro se demonstrou preocupado com a manutenção dos empregos no país, durante a transmissão. "Ele (coronavírus) pode ser fatal para certas camadas da sociedade, os mais idosos e aqueles com problemas de saúde. Isso nos preocupa e muito. É a vida em 1º lugar. Mas, por outro lado, não perdermos emprego é muito importante. Afinal de contas, as pessoas que trabalham com essas que podem ser infectadas lá na frente tem que ter a garantia do seu emprego".

As medidas anunciadas neste domingo, 22,  visam a beneficiar 150 mil empresas que empregam 2 milhões de pessoas, de acordo com Montezano.

Comentários